Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página Inicial > Notícias > Campus será referência na área agrária no Maranhão
Início do conteúdo da página Notícias

Campus será referência na área agrária no Maranhão

Wady Castro tomou posse durante a cerimônia realizada na sede do campus São Luís-Monte Castelo, no dia 16
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 25/09/2016 11h51
  • última modificação 25/09/2016 12h06

posse-reitor-e-diretores_2016-94

Na sexta-feira (16), o novo diretor-geral do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Codó, Wady Castro Junior, foi empossado pelo reitor, Roberto Brandão. Durante a cerimônia, realizada em São Luís, tomaram posse também mais 17 diretores de campi para um mandato de quatro anos (2016-2020) e o reitor foi reconduzido ao cargo.

Wady Júnior ressalta que pretende fazer do campus uma referência na área agrária no Maranhão. Segundo ele, a nova gestão irá focar na estruturação da instituição, para que tanto o ensino quanto a pesquisa sejam melhor desenvolvidos. “Temos como perspectivas a construção de biblioteca e aquisição de acervo bibliográfico, construção de laboratórios e aquisição de equipamentos laboratoriais, salas para professores, espaço de vivência para a comunidade acadêmica, refeitório e quadra poliesportiva coberta”, afirmou.

De acordo com o novo gestor, ao longo dos últimos anos, além da oferta dos cursos técnicos integrados ao ensino médio, houve, no Campus Codó, a implantação de 06 (seis) cursos superiores, dentre licenciaturas, bacharelado e tecnológico. “Assim, a infraestrutura para melhorar o nível da qualidade destes cursos deve ser priorizada”, enfatizou.

Para Wady, há, também, “a necessidade de melhoraria da extensão do campus, divulgando a instituição e difundindo tecnologias no estado”. Ele pontuou, ainda, a ênfase na política de valorização dos servidores. “Ademais, pretendemos democratizar ainda mais o acesso às informações internas e aumentar a participação da comunidade acadêmica na decisão de utilização dos recursos”, concluiu.

Perfil

Wady Castro Junior é graduado em Agronomia pela Universidade de Brasília (2002), com mestrado em Agronegócios pela Universidade de Brasília (2005). É doutor em engenharia agrícola pela Universidade Federal de Viçosa. Professor do ensino básico, técnico e tecnológico do IFMA Campus Codó, tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Engenharia de Água e Solo, atuando principalmente nos seguintes temas: hidráulica agrícola, meteorologia agrícola, irrigação, manejo da água na agricultura irrigada.


Gestão anterior

O ex-diretor do campus, José Cardoso de Souza Filho, esteve à frente da gestão do campus desde 2009. Em sua avaliação, foi um período de grande contribuição com o desenvolvimento do ensino, pesquisa e extensão. “Cumprimos com todos os compromissos e metas de expansão, organização e desenvolvimento nessas áreas”, afirmou. ”Tornamo-nos o campus da rede que mais investiu na política de acesso e permanência da população estudantil, trabalhamos compromissados com o social e o cultural de Codó e região”, prosseguiu. “Implantamos os cursos superiores e tivemos um aumento exponencial no número de estudantes que saltou de 392 para 1.290”, ressaltou. “O orçamento do campus passou de um milhão e quatrocentos mil para oito milhões e duzentos”, finalizou.

Confira os pontos destacados pelo gestor:

Ensino

  • O aumento exponencial de matrículas; saltando de 392 (trezentos e noventa e duas) matrículas para 1.290 (mil e duzentos e noventa) matrículas no exercício 2016;
  • A implantação, organização e desenvolvimento dos cursos superiores de Licenciatura em: Ciências Agrárias, Química, Matemática e Biologia; Bacharelado em Agronomia e Tecnologia de Alimentos;
  • Diversificação da oferta de cursos na Educação Profissional Técnica de Nível Médio;
  • Implementação de biblioteca com aumento de acervos bibliográficos;
  • Viabilização do mestrado de Educação Agrícola entre Instituto Federal do Maranhão e Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (contrato assinado e com previsão de início em 2017).

Assistência ao educando

  • Garantia e desenvolvimento da política escolar de concessão de bolsas para transportes, alimentação, residência e ajuda de custo para participação em projetos e eventos científicos culturais, esportivos e de extensão.

Infraestrutura

  • Elaboração do plano Diretor de Infraestrutura;
  • Elaboração e execução dos projetos de construção de dois pavilhões de sala de aulas e laboratórios de informática;
  • Construção da residência feminina;
  • Construção predial do Departamento de Assistência ao Educando;
  • Alocação de recursos e implementação dos serviços de refeitório que assegurou alimentação gratuita para todos alunos;
  • Projetos licitados para construção da estrada de acesso ao pavilhão administrativo e construção de 04 (quatro) laboratórios;
  • Revitalização das unidades Educativas de Produção do Campus com destaque para a área de Zootecnia;
  • Aquisição de 03 ônibus urbanos e 02 ônibus rodoviários.
registrado em:
Assunto(s): Cardoso , metas , Posse , Wady Castro
Fim do conteúdo da página